Em decorrência da pandemia, o governo teve que encontrar novos meios para garantir que trabalhadores recebam seus benefícios, sem ter que ir fisicamente até agências e bancos.

Essa necessidade resultou na implantação de diversos aplicativos e ferramentas que permitem que saque e solicitações sejam feitos pelo dispositivo móvel.

Uma das opções que se abriram com essa implantação foi a possibilidade de requisitar o seguro-desemprego por meio da Carteira de Trabalho Digital.

Foi declarado por meio da Resolução CODEFAT 873/2020 que durante o estado de emergência pública decorrente do coronavírus, o trabalhador terá a opção de requisitar a habilitação no Programa seguro-desemprego mesmo após passado 120 dias desde o sétimo dia da sua demissão. 

Entre janeiro e julho de 2020, os pedidos de seguro-desemprego chegaram a 4.521.163, informação que constitui uma alta de 11% na comparação com o mesmo período do ano passado.  

nithflix

Como solicitar o seguro?  

O aplicativo foi produzido pelo Ministério da Economia, para os trabalhadores brasileiros e estrangeiros terem acesso às informações de Qualificação Civil e de seus Contratos de Trabalho que hoje constam na Carteira de Trabalho física. 

nithflix

Para requisitar o seguro pela Carteira de Trabalho Digital é bem simples.  

Primeiramente é necessário baixar o aplicativo Carteira de Trabalho Digital, o que pode ser feito pelas principais lojas de Apps e pela Web.  

Após baixar o aplicativo siga os seguintes passos:  

  1. Clique em entrar e informe seu CPF; 
  2. Crie sua conta, informando os dados que são requisitados; 
  3. Crie uma senha forte;  
  4. Autorize o uso de dados pessoais; 
  5. Selecione a opção Benefícios no canto inferior direito;  
  6. Clique em Solicitar no espaço de seguro desemprego; 
  7. Digite o número do requerimento e clique em Próximo. Após esse processo serão apresentadas informações sobre a empresa e termos necessários; 
  8. Avance até o final para terminar a solicitação. 

O processo apresentado é válido apenas para solicitações feitas pelo celular, relembrando que o requerimento via aplicativo não é aplicável para trabalhadores domésticos.

Se ocorrer algum problema no momento de recuperação de login e senha necessários para pedir o seguro, o problema pode ser resolvido por meio da página de atendimento do Ministério da Economia. 

Quer saber mais sobre alteração dos prazos para solicitação do seguro-desemprego? Clique aqui para ler o artigo sobre o assunto.  

Outra ferramenta que beneficia os trabalhadores durante a pandemia, apresentada pela Caixa Econômica Federal, foi o Aplicativo FGTS, em que é possível requisitar saques, indicar uma conta de qualquer banco para receber o crédito, fazer upload de documentos, acompanhar as etapas de processos e muito mais. 

Por ele, trabalhadores com contas ativas e inativas de 29 de junho a 21 de setembro podem sacar o auxílio emergencial de até R$ 1.045,00 sem sair de casa, condizente com o mês de nascimento.  

O usuário desse aplicativo também pode optar por duas opções de saques: Saque-rescisão ou saque-aniversário.   

O trabalhador que optar pelo saque-aniversário perde o direito de sacar o FGTS depois de ser demitido ou ter o contrato rescindido sem justa causa. Tendo direito apenas ao 40%.  

Passo a passo para realizar o saque-rescisão: 

Após instalar o aplicativo, que é está disponível para android e IOS, siga os seguintes passos:  

  1. Realize o login com o CPF e a senha; 
  2. Confirme seus dados;  
  3. Escolha entre escolher Uma conta Caixa ou Conta de outros bancos; 
  4. Informe os dados da conta bancária e pressione continuar;  
  5. Selecione Continuar com o saque para realizar o saque do FGTS. 

O saque para contas de outros bancos é uma operação de TED, por isso há cobrança de taxas. 

O saque-aniversário possibilita o trabalhador retirar uma parte do fundo anualmente, sempre no mês de seu aniversário.  

Veja o processo:  

  1. Na tela principal do app do FGTS, selecione Faça a opção pelo Saque Aniversário; 
  2. Aceito os termos e condições toque em optar pelo Saque Aniversário; 
  3. Escolha entre Crédito em conta Caixa ou Transferência bancária (com cobrança de taxas); 
  4. Informe os dados de sua conta bancária e confirme; 
  5. Escolha entre Dia 1 e Dia 10 para o dia do saque;
  6. Toque em Continuar e avence até finalizar o processo. 

O saque-aniversário será realizado automaticamente no dia escolhido, com os valores já disponíveis na sua conta. Para receber o saque-aniversário no mesmo ano, é preciso fazer a mudança até o último dia do mês de aniversário. 

Sabe outra coisa que você pode fazer sem sair de casa? Aprender tudo sobre eSocial e se destacar no mercado de trabalho. 

A aula 1 do Workshop eSocial 100% gratuito e 100% online já foi liberada e foi um tremendo sucesso.

Se você ainda não está assistiu ou não está inscrito, não perca mais tempo, clique aqui para participar do evento que está transformando profissionais em todo o país. 

O Workshop eSocial, que começou no dia 14 e vai até dia 21 de setembro, terá mais três aulas e uma live de resolução de exercícios. A segunda aula vai ser disponibilizada amanhã às 9h e terá como tema SST no eSocial.

Além de todo o conhecimento prático e teórico você ainda garante um CERTIFICADO gratuito de 9h de participação. Aproveite, porque é uma chance única.

 

Publique seu artigo

Deixe uma resposta