Receba nossas notícias em seu e-mail:

Caixa libera 4 modalidades de saque FGTS e PIS este mês

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
saque FGTS

Carnaval com dinheiro no bolso!

Atualmente, existem quatro tipos de pagamentos diferentes de programas do Governo Federal: dois relacionados ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e outros dois ao abono salarial PIS/Pasep.

Ambos os benefícios estão com calendários ativos, ou seja, o trabalhador ainda tem tempo de retirar o dinheiro extra. Os valores dos pagamentos variam de acordo com o programa, sendo o mais alto das cotas do PIS/Pasep, pago aqueles que trabalharam de carteira assinada entre os anos de 1971 a 04/10/1988.

Modalidades PIS/Pasep

Podem receber tanto trabalhadores de empresas privadas (PIS) ou de iniciativas públicas (Pasep). Confira as opções:

Abono Salarial 2019/2020

Em vigor desde julho do ano passado, o calendário tem prazo de liberação do último lote para o dia 19 de março e encerramento dos saque até o dia 30 de junho. Tem direito às quantias quem trabalhou de carteira assinada no ano-base de referência (2018) por no mínimo trinta dias (um mês) e tendo como média salarial até dois salários mínimos.

Além disso, as regras de concessão ao saque incluem ter inscrição no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e estar com os dados corretamente informados na Relação Anual de Informações Sociais.

Confira o calendário abaixo:

PIS (mês de nascimento e data de saque)

  • Julho – 25/07/2019
  • Agosto – 15/08/2019
  • Setembro – 19/09/2019
  • Outubro – 17/10/2019
  • Novembro – 14/11/2019
  • Dezembro – 12/12-2019
  • Janeiro e Fevereiro – 16/01/2020
  • Março e Abril – 13/02/2020
  • Maio e Junho – 19/03/2020

Pasep (dígito final de inscrição)

  • Dígito Final 0: Saques em 25/07/2019
  • Dígito Final 1: Saques em 15/08/2019
  • Dígito Final 2: Saques em 19/09/2019
  • Dígito Final 3: Saques em 17/10/2019
  • Dígito Final 4: Saques em 14/11/2019
  • Dígito Final 5: Saques em 16/01/2020
  • Dígito Final 6 e 7: Saques em 13/02/2020
  • Dígito Final 8 e 9: Saques em 19/03/2020

Cotas do PIS

As Cotas do PIS são os créditos depositados pelo empregador ao fundo PIS/Pasep entre os anos de 1971 a 04/10/1988. Tem direito ao saque quem trabalhou sob o regime de carteira assinada no mesmo período e que ainda não tenha feito o saque total do saldo anteriormente.

As instituições responsáveis pelos pagamentos são a Caixa Econômica Federal (PIS) e Banco do Brasil (Pasep). Sem um calendário de término, a média dos pagamentos tem sido de R$ 1.760. No caso de falecimento do cotista, herdeiros e dependentes têm direito de receber o dinheiro.

Pagamentos FGTS

Tem direito ao fundo trabalhadores ativos ou desempregados que tenham trabalhado de carteira assinada. Veja as modalidades:

Saque imediato FGTS

Criado através de medida provisória, o saque imediato tem pagado aos beneficiários quantias de até R$ 998 desde o início dos pagamentos. Os pagamentos são feitos conforme o saldo que o trabalhador tinha em conta na data de criação da MP, na data de 24 de julho de 2019. Confira as regras:

  • Quem tinha até R$ 998 em conta na data de 24 julho de 2019 e não sacou R$ 500, pode retirar até R$ 998;
  • Quem tinha até R$ 998 em conta na data de 24 de julho de 2019 e já sacou os R$ 500, pode retirar até R$ 498 a mais;
  • Quem tinha mais de R$ 998 em conta na data de 24 julho de 2019 e não sacou, pode retirar R$ 500;
  • Quem tinha mais de R$ 998 em conta na data de 24 de julho de 2019 e já sacou R$ 500, não possui nenhum valor disponível.

A data limite para os saques é até o dia 31 de março.

Saque-aniversário FGTS

Com data de início para o mês de abril, mas disponível para adesão, na modalidade de saque-aniversário do FGTS, o trabalhador poderá retirar anualmente uma parte da somatória de contas ativas e inativas do Fundo e no mês de nascimento. O valor da parcela varia entre 5% e 50%, a depender o montante.

Contudo, quem optar pela adesão, não poderá retirar o saldo total em caso de demissão sem justa causa, salvo os casos de financiamento da casa própria, doenças graves na família, etc. Não houve alterações quanto a multa de rescisão de 40%, que permanece.

Confira o calendário de saques para 2020:

  • Janeiro e Fevereiro: Saques de Abril a Junho de 2020;
  • Março e Abril: Saques de Maio a Junho de 2020;
  • Maio e Junho: Saques de Junho a Agosto de 2020;
  • Julho: Saques de Julho a Setembro de 2020;
  • Agosto: Saques de Agosto a Outubro de 2020;
  • Setembro: Saques de Setembro a Novembro de 2020;
  • Outubro: Saques de Outubro a Dezembro de 2020;
  • Novembro: Saques de Novembro a Janeiro de 2021;
  • Novembro: Saques de Dezembro a Fevereiro de 2021.

Conteúdo original Edital concursos Brasil

Deixe um comentário