Receba nossas notícias em seu e-mail:

Cuidado trabalhador! Golpe no saque do FGTS emergencial

FGTS

Compartilhe essa notícia

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Já imaginou ir verificar o saldo da sua conta do FGTS e descobrir que todo o seu benefício sumiu? Pois é, muitos brasileiros estão passando por essa situação atualmente

A Polícia Federal está investigando quadrilhas que estão roubando dinheiro do Fundo de Garantia do Tempo e Serviço (FGTS) emergencial através do Aplicativo Caixa Tem.

Os agentes compram e vendem dados dos beneficiários na internet,  assim, o comprador utiliza essas informações no aplicativo oficial da Caixa e tem acesso ao saque emergencial do FGTS da vítima.

Os criminosos cadastram um e-mail falso no aplicativo, que só eles conseguem abrir, impedindo o verdadeiro titular de fazer qualquer alteração, como mudar a senha.

Foram identificadas diversas vítimas, que perceberam irregularidades no aplicativo, incluindo informes de saques que os mesmos não haviam feito.

A Caixa alegou que está trabalhando para melhorar a segurança do aplicativo e afirma que quem tiver sido vítimas do golpe, deve ir até uma agência para fazer a contestação do saque irregular, com um documento de identificação em mãos.

O beneficiário recebe o dinheiro de volta, uma vez que a fraude for comprovada. Se o pedido de contestação for negado, a vítima pode solicitar um reanálise na agência.

É estimado que pelo menos 600 contas são saqueadas por semana.

Para evitar essa situação, o trabalhador deve baixar o aplicativo, entrar com os dados pessoais, criar uma senha e consultar o saldo.

É importante que o cadastro seja feito assim que o trabalhador baixar o aplicativo.

Esse processo é válido até para aqueles que não pretendem sacar o FGTS emergencial, porque a Caixa deixa o dinheiro de todo mundo disponível, por um tempo, para retirada em uma conta digital.

Caso o titular não seja rápido, em um intervalo de um dia, o criminoso pode fazer o cadastro e ter acesso ao dinheiro.

Para o Especialista em segurança, Fábio Ramos, o sistema de autenticação da Caixa ainda é falho em alguns aspectos:

“Existe uma aposta muito grande de que essas informações pessoais seriam conhecidas só pelas pessoas, só pelo beneficiário, mas, talvez, eles tenham esquecido que os criminosos são superatentos e têm mais informações do que se imagina”, diz

Quem tem direito ao FGTS emergencial? 

A Medida Provisória nº 946 autorizou o saque do FGTS emergencial a todo titular de conta do FGTS com saldo, englobando contas ativas e inativas, no valor de até R$ 1.045,00 por trabalhador.

O trabalhador pode fazer o saque até o dia 31 de dezembro de 2020

FONTE: G1

      Minicurso LGPD no DP e RH grátis

Evite que sua empresa sofra pela falta de informação. A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) já está valendo, e a maioria dos profissionais ainda não sabe como se adequar a ela.

Você não pode se dar ao luxo de contar com a sorte, por isso precisa aprender todas as normas referentes a LGPD.

A melhor maneira de fazer isso é participando do Minicurso LGPD no DP e RH 100% online e gratuito, que começou no dia 19 de outubro e vai até dia 22.

Os episódios ocorrem sempre às 9h, no Youtube da Nith, e são ministrados pelo Professor Rafael Bastos, que é advogado especialista em Direito Digital.

Hoje (21/10), na segunda aula do Minicurso, além de muito conteúdo sobre dados pessoais sensíveis, também teve a revelação de uma super oferta para o Curso AO VIVO de LGPD, que vai ocorrer no dia 24 de outubro, das 13h às 18h com 20 minutos de intervalo.

A oferta só foi revelada para quem está participando de um Grupo VIP, e a boa notícia é que você ainda pode entrar. Basta clicar no link abaixo para fazer parte do grupo e ter direito a um valor especial. 

Clique aqui e faça parte do Grupo VIP.  

Deixe um comentário