Receba nossas notícias em seu e-mail:

Ame quem você quiser

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Mês do Orgulho LGBTI+
O mês de junho é o Mês do Orgulho LGBTI+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Intersexuais). E não é por acaso! A escolha desse mês foi devido a um evento ocorrido em 28 de junho de 1969no bar Stonewallem Nova York, local frequentadoprincipalmentepor homossexuais.  

Devido às perseguições, os locais que aceitavam esse público eram discretos e funcionavam à base de pagamento de suborno a policiais. 

Nessa data há relatos de que uma lésbica sofreu agressão de um policial, o que ocasionou uma revolta, onde houve tensão e cerco à polícia, e uma pessoa trans teria gritado: “Já lhes deram o dinheiro, mas aqui tem um pouco mais!”, incentivando os manifestantes a lançarem moedas nos policiais. 

Esse marco foi o início de uma série de protestos pelos seus direitos, que se estenderam por seis dias e foi o primeiro passo para o surgimento do movimento LGBTI+. 

Um ano depois aconteceu, também em Nova York, a primeira Parada do Orgulho LGBTI+ de que se tem notícia. 

Diversidade nas empresas 

Infelizmente, mesmo tantos anos após o evento de Stonewall, a luta pela diversidade ainda é muito grande, há muito preconceito e violência contra as pessoas que se identificam como LGBTI+. 

E, no mercado de trabalho não é diferente. Muitas empresas ainda não possuem uma cultura respeitosa e aberta para que esse profissional possa se sentir livre e completo. 

De acordo com uma pesquisa da empresa de consultoria norte-americana OutNow, especializada no segmento LGBTI+, o Brasil tem o incômodo título de campeão em homofobia no trabalho, sendo o primeiro entre os 11 países analisados. 

As grandes empresas já perceberam que apoiar a diversidade no ambiente de trabalho, além de fazer seus colaboradores se sentirem acolhidos, traz também muitos benefícios para o crescimento da empresa, pois equipes diversas trazem diferentes perspectivas que ajudam a empresa a avançar. 

diversidade é uma das bases da cultura interna na NITH. Aqui o respeito é base para tudo, e em uma das camisetas que é entregue para os Colaboradores, esse respeito está expresso na seguinte frase: 

“Ame quem você quiser”

Aqui todos sentem-se livres para serem verdadeiros, sem máscaras, podendo assim focar seu esforço em ser um ótimo profissional e uma pessoa cada vez melhor.  

É fato que quem não se sente completo, produz menos. 

E o objetivo da NITH é que todos se sintam acolhidos, completos, respeitados e amados! 

NITHNohs Somos 

cultura se expande também para fora da empresa: a NITH é uma Empresa Amiga do aplicativo Nohs Somos, que está sendo desenvolvido por uma equipe aqui de Florianópolis/SC. 

A ideia do aplicativo é dar suporte às pessoas que sofrem ou já sofreram algum ataque homofóbico. 

E como funciona? As vítimas vão conseguir emitir um “chamado de emergência” quando ameaçadas. Além disso, a ferramenta vai disponibilizar um mapa que irá mostrar os lugares seguros da região.  

O aplicativo deve ser lançado ainda neste ano e, para 2020, é de se esperar que ele se espalhe por outras cidades. 

Distribua amor! 

 “Ninguém nasce odiando outra pessoa por causa da cor da sua pele ou sua origem, sua sexualidade ou religião. As pessoas devem aprender a odiar, e se eles podem aprender a odiar, podem ser ensinados a amar, pois o amor chega mais naturalmente ao coração humano do que o seu oposto.” 

Nelson Mandela 

 

Um abraço,            

Marileisa Gonçalves – Analista de Conteúdo Nith Treinamentos.     

Fica autorizada a publicação e o compartilhamento desde que citadas autora e fonte: www.zenaide.com.br       

Deixe um comentário